Géis energéticos e práticas esportivas

(3)

Qualquer atividade física provoca um gasto energético que deve ser compensado. Os géis energéticos são compostos de nutrientes e micronutrientes que respondem às necessidades ligadas ao esporte. O objetivo é atrasar o esgotamento das reservas e assim, atrasar a fadiga após o esforço. O gel é escolhido com base no esforço e/ou do momento do consumo.

Necessidades nutricionais durante o esforço

Uma dieta regular e adequada durante o esforço, permite a reidratação, o fornecimento de sódio e o atraso da depleção das reservas de energia evitando, assim, os grandes surtos de fadiga.

A hidratação é a prioridade. No entanto não se deve negligenciar o fornecimento energético durante o esforço que pode ser feito de diferentes maneiras:

  • As bebidas isotônicas têm a vantagem de trazer todos os elementos essenciais para o esforço em um único produto.
  • Os géis e barras energéticas fornecem uma concentração de glicídios para limitar a perda das reservas energéticas. No entanto eles devem estar associados uma ingestão de líquidos para atender às necessidades relacionadas ao esforço.

O que é um gel energético?

Um gel é como as bebidas energéticas feitas para atender às necessidades ligas ao esforço físico. São geralmente compostos por glicídios como a glicose, a frutose e a maltodextrina. Eles geralmente contêm também outras substâncias: vitaminas e minerais por seus efeitos antioxidantes, cafeína para um efeito estimulante e aminoácidos para um efeito protetor.

Eles são interessantes porque são fáceis de transportar e consumir. Os géis energéticos devem ser absorvidos com água, porque eles são muito concentrados e podem, em algumas pessoas, causar distúrbios digestivos.

Como escolher seu gel energético?

A ingestão recomendada durante o esforço para qualquer atividade superior a 1h é de 30 g glucídios/hora de esforço. Esta contribuição vai para 60g de carboidratos por hora, além de 3 horas de esforço, ou até mais, quando o corpo é conduzido.

A prioridade é a hidratação. O recomendado pode ser feito facilmente através das bebidas energéticas.

No entanto, alguns atletas desejam dar preferência a um alimento mais sólido durante o esforço que eles vão associar com água. A escolha do gel é então feita segundo o objetivo:

Os géis Ultra 300, 500 e 700 são ideais para acompanhá-lo nas sessões dos seus esportes nas competições e nos treinamentos prolongados e intensos. Eles são compostos de uma base glicídica associando a glicose, a frutose e maltodextrina. A combinação destes glicídios permite um fornecimento ideal de energia durante o esforço.

Os ultra géis também são enriquecidos em vitaminas, minerais e cafeína para acompanhá-lo em seus diferentes esforços.

Enriquecimento do Gel Ultra 300

  • Vitamina B1: ela favorece uma boa assimilação dos glicídios

O ultra gel 300é ideal para acompanhá-lo em seus longos exercícios

Enriquecimento do Gel Ultra 500

  • Vitamina B1: Promove uma boa assimilação dos glicídios,
  • Vitaminas B6 e B12: elas favorecem a redução da fatiga
  • Vitamina E e Zinco: Eles têm um papel antioxidante e protegem as células contra o stress oxidativo
  • Cafeína: Permite, ao longo do esforço, manter toda a sua concentração, mesmo em estado avançado de fadiga.

O ultra gel 500 é ideal para acompanhá-lo em seus treinamentos prolongados e suas competições.

Enriquecimento do Gel Ultra 700

  • Vitamina B1: Promove uma boa assimilação dos glicídios,
  • Vitaminas B6 e B12: elas favorecem a redução da fatiga
  • Vitamina E e Zinco: Eles têm um papel antioxidante e protegem as células contra o stress oxidativo
  • Cafeína: Permite, ao longo do esforço, manter toda a sua concentração, mesmo em estado avançado de fadiga.
  • BCAA: Alguns estudos mostram que os BCAAs têm um papel protetor do músculo durante os esforços prolongados.

O ultra gel 700 é ideal para acompanhá-lo em seus treinamentos e suas competições.

Marie Fauchille
Nutricionista
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Vote
Conselhos
conseil-nutrition-pendant-l-effort

Adotar uma estratégia de alimentação durante o exercício vai manter as reservas de energia pelo máximo de tempo possível. Para fazer isso, é preciso aliar a hidratação e a ingestão de carboidratos. Concentre-se nos quatro elementos essenciais para o desempenho.

(9)
VOLTAR PARA O TOPO