As Diversas Proteínas

(4)

Existe um número importante de fontes de proteína em pó, os wheys, as caseínas, os aminoácidos ... Mas porque usar o whey em vez da caseína? Por que há tantos wheys? O que é a diferença entre proteína animal e vegetal? Vamos esclarecer essas perguntas:

Proteína Whey

A proteína whey é uma proteína originária do soro de leite. Ela  contém 20% de lactosoro. É uma proteína altamente digerível, rica em BCAA e de rápida assimilação, estimulando o anabolismo, que a torna perfeita para os  períodos de recuperação.

Concentrado de whey

Um concentrado de whey possui cerca de 80g de proteínas por 100g de pó, sendo o restante composto principalmente de lactose e gordura. O concentrado é obtido por um processo de filtragem permitindo a obtenção do whey na forma mais simples e por consequência mais barata.

Isolado de whey

Um isolado de whey contém cerca 90g de proteínas por 100g de pó. O isolado é a forma mais pura do whey. O isolado geralmente contém baixo teor de lactose e é obtido com um processo de filtração que permite manter um excelente aminograma.

Hidrolisado de whey

O hidrolisado de whey é obtido a partir de um concentrado ou de um isolado que sofre uma hidrólise (digestão química de proteínas). A proteína é completamente desnaturada, mas de uma forma que benefície o organismo. O produto contém cerca de 80% de di e tripeptideos (pequenas proteínas). Esse é o tipo de proteína que tem a melhor assimilação. No entanto, essa proteína muito popular devido ao seu sabor bem amargo o que a torna difícil o seu consumo.

Caseína

A caseína é a principal proteína originária do leite. Com efeito, a proteína do leite contém 20% de lactosoro, mas também de 80% de caseína. Esta última tem a capacidade de coagular, o que irá retardar o processo de digestão. A caseína é uma proteína de assimilação lenta, que tem o efeito de reduzir a destruição das proteínas musculares (anticatabólico) durante cerca de 7 horas após a ingestão.

Caseinato de Cálcio

O caseinato de cálcio é uma proteína produzida por um processo de fabricação agressivo que desnatura a configuração espacial da caseína (as micelas). O caseinato de cálcio é pouco absorvido  e sua ação é curta.

Caseína micelar

A caseína micelar é uma caseína em sua forma natural, intacta e desnaturada. Caseína micelar está para a caseína, da mesma forma que o isolado está para a whey. É bem assimilada com uma difusão lenta dos aminoácidos, desempenhando assim o papel anticatabólico. Note-se que as caseínas micelares também são encontradas nas proteínas inteiras do leite.

Proteína do ovo

Antes da chegada da whey, a proteína do ovo representava a referência em matéria de qualidade. Elas praticamente deixaram de ser utilizadas sozinhas hoje, mas ainda são encontradas em misturas de proteínas.

O ovo em pó é obtido a partir da clara do ovo. Ela contém todos os aminoácidos essenciais, poucos glicídios e nenhuma gordura. É uma fonte interessante de aminoácidos de enxofre e fenilalanina. Por isso, é uma proteína de alta qualidade, com propriedades interessantes. A sua velocidade de digestão está entre a caseína e a whey.

Proteína de soja

A proteína de soja é uma proteína de origem vegetal utilizada principalmente por vegetarianos ou veganos. Ela contém todos os aminoácidos essenciais. Esta é uma proteína de assimilação menos fácil do que a whey ou o ovo em pó, mas o seu potencial anabólico é menor. Sua velocidade de assimilação está entre a caseína e a whey que lhe confere um papel anti-catabólico. As proteínas de soja contêm isoflavonas, substâncias antioxidantes que imitam os efeitos do estrogênio (hormônios femininos) no organismo.

Proteína de ervilhas

A proteína da ervilha é uma proteína vegetal rica fibra e muito digestiva. É uma proteína pouco utilizada devido ao seu sabor não apreciado.

Gainer (suplemento para massa muscular)

Os gainers são misturas de proteínas e glicídios O objetivo deste produto é enriquecer a dieta diária para favorecer o ganho de peso. Os gainers são recomendados para aqueles que desejam aumentar a massa muscular ou que têm dificuldade em ganhar peso.

Aminoácidos

Os aminoácidos são moléculas pequenas e sua absorção é relativamente rápida. Eles têm uma propriedade anabólica suave que permanece baixa, em comparação com uma proteína inteira porque eles são geralmente ingeridos em pequenas quantidades em relação às proteínas. Os aminoácidos são recomendados para completar a ingestão de proteínas.

BCAA

Os BCAA são uma combinação de três aminoácidos essenciais: Leucina, Isoleucina, Valina. Eles têm a característica de otimizar a recuperação e o ganho de massa muscular. Devem ser consumidos no prazo de 30 minutos após o treino juntamente com uma fonte de carboidratos e água.

Marie Fauchille
Nutricionista
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Vote
Conselhos
Comment prendre de la masse musculaire

Ganho de massa é um período em seu treinamento em que o objetivo é aumentar o volume muscular. Isso faz com que ocorra ganho de peso, ou seja, um aumento da massa corporal magra, mas também de gordura

(13)
Conselhos
période de sèche – perte de poids

Seja um período de seca ou perda de peso, o objetivo é o mesmo, trata-se de um período de perda de massa adiposa. Isso quer dizer gordura. Mas como perder massa adiposa sem perder massa muscular?

(9)
VOLTAR PARA O TOPO