Dicas de nutrição durante o exercício

(9)

Adotar uma estratégia de alimentação durante o exercício vai manter as reservas de energia pelo máximo de tempo possível. Para fazer isso, é preciso aliar a hidratação e a ingestão de carboidratos. Concentre-se nos quatro elementos essenciais para o desempenho.

Dicas de nutrição para manter a hidratação: água

Todos os esforços conduzem a uma perda de água, que pode afetar o desempenho e a saúde dos atletas.

A quantidade de água perdida são devidas a:

- temperatura ambiente,
- o exercício realizado,
- tolerância pessoal, nível de treinamento e aclimatação ao calor.

A sensação de sede não é um bom indicador do estado de hidratação, uma vez que aparece mais adiante, quando o corpo já está desidratado. Portanto beber antes de sentir sede.

O conselho?

É aconselhável beber regularmente ou seja, 1-2 goles a cada 10-15 minutos.

Dicas de nutrição para compensar as perdas pelo suor: o sódio

Suando pode-se regular a temperatura do corpo, mas é custoso em minerais e, principalmente, em sódio . Este mineral é envolvido no equilíbrio hídrico do corpo. Perdas de sódio estão relacionadas a taxa de suor e podem variar consoante a intensidade, a duração do exercício e as condições climáticas.

Quanto tomar?

Para menos de uma hora de exercício: nenhuma compensação é necessária em sódio.

Para os esforços de mais de uma hora, a ingestão de sódio é recomendada e é essencial para os esforços sob grande calor. Bebidas isotônicas são projetadas para atender às necessidades de sódio dos esportistas.

Dicas de nutrição para compensar as perdas de energia: carboidratos

Para trabalhar, os músculos precisam de energia na forma de glicose ou as reservas são limitadas. Devemos, portanto, obtê-la durante a atividade.

Os carboidratos podem ser consumidos como um líquido ou sólido, dependendo da preferência do esportista e da estratégia relacionada com o estado de hidratação.

Qual a estratégia?

Bebidas energéticas oferecem o benefício duplo de hidratação e  consumo de carboidratos. Estes produtos são fáceis de usar, mas alguns preferem géis de energia mais concentrados e isso particularmente quando as necessidades de energia excedem o desejo de beber. No entanto, todos os produtos devem ser acompanhados de um abastecimento de água. Produtos mais sólidos, tais como as barras de energia, são também bem tolerados e têm a vantagem de reduzir a sensação de fome graças ao tempo de mastigação.

Dicas de nutrição para evitar problemas intestinais

O exercício pode ser acompanhado de distúrbios digestivos para mais de um esportista. Estas doenças são ligadas ao exercício e são agravadas pela desidratação e podem ser desencadeadas pela alimentação, daí a importância de não sobrecarregar o sistema digestivo já enfraquecido pela atividade.

O truque?

Para evitar todos esses problemas, é preciso adotar uma estratégia de nutrição, que será única para cada um. Para não ser pego, você nunca deve iniciar uma estratégia no dia da corrida, mas repetir várias vezes antes durante um treinamento que irá se adaptar e modificar produtos ou aromas ....

Marie Fauchille
Nutricionista
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Vote
Conselhos

As bebidas isotônicas, você as conhece? Durante o exercício, a hidratação é essencial para não perder desempenho. Mas, depois de uma hora de exercício a água não é suficiente! Deve-se fornecer energia para os músculos através de carboidratos, e sódio para compensar a sudorese. A bebida isotônica pode apenas trazer ao corpo do atleta estes dois elementos essenciais!

(9)
Conselhos
Les boissons énergétiques

Esta bebida tem como objetivo compensar a perda de água, carboidratos e minerais devido ao estresse. A sua composição é adaptada para as necessidades nutricionais dos atletas durante a atividade física.

(6)
VOLTAR PARA O TOPO